Entender sobre os diferentes caimentos para cada silhueta pode ser a chave para o sucesso na escolha do modelo de vestido de noiva ideal.

As diferentes silhuetas acompanhadas pelos decotes corretos ajudam a valorizar o que a noiva tem de melhor e “esconder” ou disfarçar aquilo que ela considera como imperfeição. O mais importante de tudo é deixar a silhueta harmoniosa.

Acompanhe abaixo os principais tipos de silhuetas e suas características:

Godê

É um corte mais tradicional, clássico. Popularmente conhecido como corte princesa, pois marca bem o busto e a cintura e é seguido por uma saia rodada e ampla. O vestido tem uma saia bastante volumosa, o que pode dar a impressão de achatar a silhueta, não indicado para noivas de baixa estatura. Já para altas e magras, assim como as que têm quadril largo, pode ser uma boa pedida.

Evasê

Também conhecido como linha ‘A’. Começa justo no busto, desce marcando bem o tronco e vai abrindo a partir da altura do quadril suavemente até o chão. Este corte é um coringa e se adapta bem a todos os biotipos, uma vez que alonga a silhueta e pode disfarçar quadris largos e bumbuns avantajados.

Império

Muito usado por noivas grávidas ou acima do peso, o modelo império disfarça quadris largos, alonga e afina a silhueta. Vestidos nesse molde marcam bem o busto e depois dele tem um caimento solto até o chão. Normalmente é acompanhado por uma faixa ou outro detalhe embaixo do busto.

Sereia

Ajustado no corpo até o joelho e depois a saia abre a partir daí. Este corte evidencia o quadril dando a impressão de que ele é maior, por isso deve ser evitado por noivas que não estão em forma, para não ficarem deselegantes, ou por aquelas que possuem quadril largo, no risco de evidenciar ainda mais essa característica.

Meio Sereia

Se diferencia do sereia por ser marcado apenas até o quadril e então a saia abre até o chão. Essa silhueta dá um pouco mais de mobilidade para a noiva do que o sereia clássico. Também favorece as noivas mais cheinhas com cintura bem marcada, mas deve ser evitado pelas noivas com bumbum avantajado, ele marca bastante a região.

Curto ou Midi

Saia na altura do joelho, no caso dos curtos, ou na altura da canela, no caso dos Midis. Ideal para as noivas mais modernas e com pernas em forma. O cuidado com esse modelo fica sendo a escolha do comprimento: no caso do midi, como ele corta a silhueta, acaba sendo mais indicado para noivas de estatura mediana a alta; caso seja usado em noivas mais baixas, ele pode dar a sensação de serem ainda mais baixas. E quando falamos em curto, o comprimento ideal é na altura do joelho.

Mullet

Bastante moderno, o modelo favorece as pernas. Sua saia curta na frente e comprida atrás pode não ser ideal para quem tem pernas grossas ou curtas.

modelo de vestido de noiva para diferentes silhuetas

Gostou do texto? Então clique aqui para conferir os outros blog posts
Conheça ainda algumas das minhas noivas nesta galeria de fotos
E acompanhe as novidades sobre o meu atelier nas redes sociais!